domingo, fevereiro 25, 2024

InícioÚltimas NotíciasSuspeito de roubar dois táxis em dois dias é preso pela PM...

Suspeito de roubar dois táxis em dois dias é preso pela PM em Juiz de Fora

Um homem, de 30 anos, suspeito de praticar dois roubos de táxis em dois dias consecutivos, foi preso em flagrante pela Polícia Militar, na tarde de segunda-feira (11), horas após o segundo crime. O assalto aconteceu por volta das 8h, e a PM foi acionada para comparecer na Rua Professor Francisco Faria, no Bairro Bairu, Zona Leste, para atendimento ao taxista de 42 anos, vítima de roubo.

O motorista contou que transportava dois passageiros da região central e, ao chegar no Bairu, um deles anunciou o assalto, mediante ameaças com força física. O condutor foi obrigado a desembarcar, e a dupla fugiu levando o veículo, além do aparelho celular e de alguma moedas da vítima.

Militares fizeram buscas, mas não localizaram suspeitos pela manhã. Já na continuidade ao rastreamento durante a tarde, por volta das 15h45, uma equipe prendeu o suspeito, com as mesmas características descritas, na Rua Berta Halfeld Paleta, no Bairro Francisco Bernardino, Zona Norte. O veículo roubado foi localizado nas imediações.

O conteúdo continua após o anúncio

De acordo com a PM, o suspeito teria confessado o assalto e inclusive a autoria de outro roubo a taxista, ocorrido na noite de domingo, no Bairro Dom Bosco, Cidade Alta. Ele não repassou dados sobre o comparsa, que não foi encontrado. O homem foi levado ao plantão da Delegacia de Santa Terezinha.

Assalto no Dom Bosco

O crime no Dom Bosco aconteceu na Rua Vicente Beguelli. O taxista rendido, 56, contou à PM que os dois passageiros que estavam no carro – para uma viagem do Bairro Industrial, Zona Norte, ao Cascatinha, Zona Sul, – o obrigaram a descer no local e assumiram a direção do veículo.

O motorista chegou a ser ameaçado com faça ou estilete no pescoço. Com auxílio de rastreador, o veículo foi achado na Rua Machado Sobrinho, no Bairro Alto dos Passos, Zona Sul. Os bandidos já haviam fugido, levando celular e R$ 120.



FONTE: TRIBUNA DE MINAS

PEDRO SILVA
PEDRO SILVA
SÓCIO GERENTE DO JORNAL ACONTECEU.

MAIS NOTÍCIAS