segunda-feira, junho 17, 2024

InícioÚltimas NotíciasAtrasos no Conecte SUS causam transtornos a usuários

Atrasos no Conecte SUS causam transtornos a usuários

A partir da campanha de vacinação contra a Covid-19, o aplicativo Conecte SUS se tornou responsável por emitir o Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, que é exigido para acessar locais públicos em diversas cidades, inclusive em Juiz de Fora. Mas, em muitos casos, essa comprovação tem demorado bem mais tempo do que o prazo previsto pelo Ministério da Saúde, que seria de cerca de dez dias, e gerado transtornos para a população.

Foi o caso de Isabela Fonseca Tostes, 22 anos, estudante de odontologia. Ela tomou a terceira dose no dia 16 de dezembro, mas até esta semana não constou no sistema que ela recebeu o imunizante. Por isso, Isabela anda sempre com o papel de vacinação em mãos, mas conta que “seria melhor poder contar com a comprovação no aplicativo, para não ter risco de perder e ficar sem poder acessar restaurantes, bares e festas, por exemplo”.

O conteúdo continua após o anúncio

Gabriela Piccinini, 23, empreendedora, também enfrentou dificuldades com o sistema. Ela tomou a segunda dose da vacina em primeiro de outubro, mas quando foi viajar, no dia 19 de janeiro, a comprovação não constava. Apesar de ter o comprovante de papel, para fazer voos internacionais, ela precisava do Certificado Nacional de Vacinação Covid-19, que só fica disponível no Conecte SUS. Por causa dessa situação, Gabriela acabou perdendo o voo que havia agendado. Agora, a situação se repete. “Tomei a terceira dose em 4 de março, e ainda não apareceu no sistema. Essa situação pode me prejudicar novamente”, diz.

A Tribuna questionou a Prefeitura de Juiz de Fora sobre o assunto, já que cabe à Secretaria de Saúde fazer o registro desses imunizantes tomados na cidade. Em nota, foi afirmado que, a partir de dezembro de 2021, após o ataque hacker que afetou o Conecte SUS, o sistema passou a “demonstrar instabilidade na integração dos dados de vacinação dos usuários, podendo levar mais tempo que o normal para visualizar as doses aplicadas”.

Por isso, a pasta solicita que aqueles que enfrentarem problemas com a atualização de suas doses devem enviar um e-mail para [email protected], com a foto do cartão de vacina e número do CPF/Cartão SUS, para que seja feito o lançamento.



FONTE: TRIBUNA DE MINAS

PEDRO SILVA
PEDRO SILVA
SÓCIO GERENTE DO JORNAL ACONTECEU.

MAIS NOTÍCIAS