sexta-feira, junho 21, 2024

InícioMÚSICASPesquisa aponta que 74,5% dos brasileiros jogam videogames

Pesquisa aponta que 74,5% dos brasileiros jogam videogames

A indústria de games é a mais lucrativa do entretenimento global e o Brasil segue como um mercado em constante crescimento, prova disso são os resultados da Pesquisa Game Brasil de 2022, que apontou um número de 74,5% dos brasileiros como jogadores de videogame, equivalente a 3 em cada 4 pessoas em nosso país.

PGB 2022
Foto: Divulgação

Leia mais:

A pesquisa da PGB entrevistou 13.051 pessoas em 26 estados e no Distrito Federal, entre os dias 11 de fevereiro e 07 de março e o resultado de 74,5% dos brasileiros como jogadores de videogame é um crescimento de 2,5 pontos percentuais em relação a 2021 e é o maior número da história da pesquisa, que está em sua 9ª edição.

E para quem pensa o contrário, as mulheres seguem como o maior público dos games, sendo 51% dos brasileiros gamers atualmente. Os jogos de smartphones são os mais populares entre o público feminino, sendo mais de 60% de mulheres entre os gamers dessa plataforma.

Pesquisa Game Brasil 2022
Foto: Divulgação

“Computadores e consoles para jogar apresentam custos elevados para os padrões da maioria dos brasileiros. No entanto, os smartphones democratizam este hábito, uma vez que existem em maior quantidade do que a própria população do Brasil. Outro aspecto é que o brasileiro sempre encontra uma forma de driblar os altos preços, seja estendendo a vida útil das gerações antigas de consoles ou se dedicando a poucos jogos”, comenta Carlos Silva, sócio da GoGamers, uma das empresas responsáveis pela pesquisa.

De crianças à adultos

A Pesquisa Game Brasil também mostrou que os games englobam pessoas de todas as idades, mas ainda com sua maior predominância entre os adolescentes de 16 a 19 anos, que são 17,7% dos gamers brasileiros.

“Ainda assim, o que o levantamento nos diz é que não existe idade para jogar jogos eletrônicos, uma vez que a diferença percentual entre as mais variadas faixas de idades é equilibrada. Pessoas entre 30 e 34 anos, por exemplo, representam 12,9% dos jogadores no Brasil, e quem tem de 35 a 39 anos representa 11,2% do público”, afirma Carlos Silva.

Consumo de games na pandemia

Game Mobile
Foto: Divulgação

Claro que o isolamento social da pandemia de COVID-19 contribuiu para o aumento do consumo de games entre os brasileiros. Para se ter uma ideia, 36% dos gamers afirmaram ter comprado pelo menos três jogos no último ano.

Ainda segundo a pesquisa, 72,2% dos gamers brasileiros afirmaram ter jogado mais games durante a pandemia de COVID-19.

“Isto reforça a ideia de que o período de isolamento social fortaleceu a relação dos brasileiros com jogos eletrônicos, especialmente através do consumo de conteúdo midiático de games em vídeos, streams e redes sociais” afirma Mauro Berimbau da Go Gamers e professor da ESPM.



FONTE: PORTAL POP LINE

PEDRO SILVA
PEDRO SILVA
SÓCIO GERENTE DO JORNAL ACONTECEU.

MAIS NOTÍCIAS