quinta-feira, fevereiro 29, 2024

InícioESPORTESMessi diz ter ficado balançado por oferta saudita: 'Pensei muito em ir'...

Messi diz ter ficado balançado por oferta saudita: ‘Pensei muito em ir’ – Placar

Lionel Messi balançou com a possibilidade de jogar no futebol saudita. A confissão do próprio jogador do Inter Miami foi concedida nesta terça-feira, 5, em entrevista à tradicional revista americana Times. Messi foi eleito pela publicação como o atleta do ano de 2023. Ele é o primeiro jogador de futebol e primeiro nome não nascido no país a faturar o prêmio, criado em 2019.

“Minha primeira opção era voltar ao Barcelona, mas não foi possível”, iniciou dizendo o camisa 10. “Também é verdade que mais tarde pensei muito em ir para a liga saudita, onde conheço o país e eles criaram uma competição muito poderosa, que pode se tornar uma liga importante num futuro próximo. Como embaixador do turismo do país, foi um destino que me atraiu, sobretudo porque gostei de tudo o que visitei, pela forma como o futebol está a crescer no país e pelo esforço que estão fazendo para criar uma competição de topo”, completou o jogador, que ainda conclui dizendo sobre as opções que analisou com a família:

“Era a Arábia Saudita ou a MLS, e ambas as opções me pareceram muito interessantes”.

Messi foi anunciado em junho pelo Inter Miami e apresentado em 16 de julho para mais de 20.0000 pessoas no Drive Pink Stadium, em Fort Lauderdale. O evento contou com a presença de David Beckham, um dos donos da equipe estadunidense, além de amigos próximos do camisa 10 e sua família.

Ele estreou com gol no dia 21 do mesmo mês, diante do Cruz Azul, pela League Cups, e foi campeão da competição em decisão contra o Nashville, nos pênaltis. Com a conquista, Messi chegou a 44 títulos na carreira e se tornou o maior vencedor da história do futebol mundial.

Na primeira temporada nos Estados Unidos, Messi fez 11 gols em 14 partidas disputadas, uma média de 0,78 por jogo. O craque argentino ainda recebeu a oitava Bola de Ouro da carreira em outubro.

A premiação da Times escolheu em 2019, em seu primeiro ano, a seleção de futebol feminino dos Estados Unidos como vencedora. A equipe foi campeã mundial naquele ano.

Em 2020, o prêmio foi dado ao jogador de basquete LeBron James, do Los Angeles Lakers. Em 2021, a vencedora foi a ginasta Simone Biles, recordista de medalhas em mundiais da modalidade e campeã olímpica. No último ano, em 2022, o prêmio ficou com o jogador de beisebol Aaron Judge

 

FONTE: R7

PEDRO SILVA
PEDRO SILVA
SÓCIO GERENTE DO JORNAL ACONTECEU.

MAIS NOTÍCIAS