Brasil e Mundo

Aulas presenciais em JF serão retomadas a partir de 20 de setembro

Alunos da educação infantil serão os primeiros a retornar às salas de aula, seguidos do ensino fundamental I e EJA

Por Carolina Leonel

A Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) informou que o retorno das aulas presenciais na cidade se dará a partir de 20 de setembro. Conforme o Município, a primeira semana do retorno será destinada à preparação dos trabalhadores da educação, e as semanas seguintes destinadas ao retorno dos alunos de forma híbrida, facultativa e escalonada. Os alunos da educação infantil retornam presencialmente a partir do próximo dia 27 de setembro, seguidos do ensino fundamental I e Ensino de Jovens e Adultos (EJA), no dia 4 de outubro. No dia 11 de outubro, é vez do ensino fundamental II e ensino médio. O último grupo será dos alunos do ensino superior, no dia 18 de outubro. De acordo com a PJF, a decisão ocorre em completa consonância com o que deliberou o Conselho Municipal de Educação.

A Prefeitura informou que essa programação será cumprida atendendo aos pressupostos sanitários definidos pelo Município, com a vigência dos protocolos sanitários definidos pela Secretaria de Saúde. O retorno gradual e escalado respeitará a completa imunização dos trabalhadores e das trabalhadoras da educação, não só pela aplicação das duas doses da vacina, mas também por permitir o transcurso do período de 14 dias para completar o processo de imunização.O conteúdo continua após o anúncio

“Nesses termos, estamos lavrando Termo de Acordo com o Ministério Público de Minas Gerais, acordo que foi intermediado pelo Dr. Carlos André Bittencourt Mariani, e, com isso, encerram-se as disputas legais que tinham como objeto a retomada da educação presencial no município. Quero também mencionar que, com esse ato, atendemos ao que já tínhamos anunciado em Audiência Pública, ocorrida na Egrégia Câmara que, em atendimento ao que dispunha a resolução do Conselho Municipal de Educação, teríamos atendidos todos os requisitos sanitários que consideramos relevantes para o retorno da educação presencial agora no mês de setembro”, destacou a prefeita.

O documento foi assinado pelo Executivo e Ministério Público. Participaram da reunião a prefeita Margarida Salomão; as secretárias de Educação, Nádia Ribas; de Saúde, Ana Pimentel; o secretário de Comunicação, Márcio Guerra; o Procurador-Geral do Município, Marcus Motta Monteiro de Carvalho, o presidente da Câmara Municipal, Juraci Scheffer e a presidente da Comissão de Educação, Cultura e Turismo da Câmara, Cida Oliveira; Samyra Ribeiro Namen, Promotoria de Justiça de Defesa da Educação, da Criança e do Adolescente; Jorge Tobias de Souza, Promotoria de Justiça de Defesa da Saúde; Mayra Conceição Silva, Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Defesa da Educação, da Criança e do Adolescente e Rodrigo Ferreira de Barros, Coordenadoria Regional das Promotorias de Justiça de Defesa da Saúde da Macrorregião Sanitária Sudeste.

Related Articles

Quais são os impostos que incidem na compra de um carro novo no Brasil?

William Dolavale

Paulinho, vocalista do Roupa Nova, morre no Rio aos 68 anos após contrair Covid-19

William Dolavale

PJF volta à faixa vermelha e reajusta decreto para atividades de comércio e serviços

William Dolavale

Maripá de Minas e região estão de LUTO

William Dolavale

Vacina Covid-19: mais de 5 mil doses da Janssen são enviadas pelo Estado para a Zona da Mata e Vertentes no 72º lote

William Dolavale

OPERAÇÃO DA PM EM ALÉM PARAÍBA-MG PRENDE UM SUSPEITO POR TRÁFICO DE DROGAS, APREENDE DROGAS, DINHEIRO E UM MENOR DE IDADE

William Dolavale

Agência Brasil explica: nova rodada do auxílio emergencial

William Dolavale

Dr Ricardo deu uma aula sobre eleição na Rádio Alternativa Fm Bicas

William Dolavale

Prefeitura de SP adia carnaval 2021 devido ao coronavírus

William Dolavale

Prefeitura de Bicas faz festa em homenagem as crianças

William Dolavale