Esportes

Flamengo anuncia saída de Renato Gaúcho

Após vice da Libertadores, diretoria rubro-negra decide pela ruptura imediata. Mauricio Souza comandará a equipe até o fim do Brasileirão

Por Redação do ge — Rio de Janeiro

Renato Gaúcho não é mais o técnico do Flamengo. A decisão foi tomada pela diretoria nesta segunda-feira, após conversa com o treinador. A saída acontece depois da perda do título da Libertadores para o Palmeiras, no sábado, em Montevidéu, no Uruguai.

Mauricio Souza, ex-sub-20 e que vinha sendo auxiliar na comissão de Renato, comandará o time até o fim do Campeonato Brasileiro.

+ Quem deve ser o novo técnico do Flamengo? VOTE

– O Clube de Regatas do Flamengo informa que, após conversa entre as partes, o técnico Renato Gaúcho não comanda mais o time principal – publicou o clube nas redes sociais.

+ Após vice na Libertadores, Flamengo tem 36 mil ingressos vendidos para duelo com o Ceará

Com contrato até o fim do ano, Renato já não seguiria no clube em 2022 por opção da diretoria e do próprio treinador. As duas partes consideravam não haver mais clima diante do trabalho e dos resultados. Restava a decisão da ruptura imediata ou ao término do Brasileirão. Pela questão da logística de voltar no mesmo voo e do luto pela derrota, a diretoria do Flamengo evitou bater o martelo na capital uruguaia.

+ Após vice da Libertadores, Renato Gaúcho fala sobre futuro no Flamengo: “Decisão é da diretoria”

Independentemente do resultado na decisão, a permanência do treinador para 2022 já estava em xeque, fosse pelo trabalho, que não era bem avaliado internamente, fosse por atitudes no dia a dia que irritavam jogadores. Na última terça-feira, dia do empate com o Grêmio, por exemplo, Renato não foi ao CT do próprio clube gaúcho dar treino para os titulares, o que causou irritação.

Sob o comando de Renato Gaúcho, o Flamengo foi eliminado para o Athletico-PR na semifinal da Copa do Brasil e perdeu o título da Libertadores para o Palmeiras. O treinador deixa o time na vice-liderança do Brasileirão, com remotas chances de título.

No vestiário do estádio Centenário, no sábado, o clima já era de despedida. Renato assumiu a palavra na roda de oração no vestiário e não conseguiu segurar as lágrimas. Em discurso ao elenco, o técnico disse que foi um prazer trabalhar com este grupo de jogadores. Ao chegar ao vestiário, o treinador deu apoio a Andreas Pereira, que falhou no gol do título do Palmeiras.

Ao todo, Renato comandou o Flamengo em 38 jogos, com 25 vitórias, 8 empates e 5 derrotas, um aproveitamento de 72,8%.

Related Articles

FPF anuncia grupos da Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2022

William Dolavale

Mbappé perde último pênalti, e França é eliminada da Eurocopa pela Suíça

William Dolavale

Presidente da Fifa desafia a Uefa e sugere Eurocopa a cada dois anos

William Dolavale

Campeonato Mineiro é paralisado e bola só volta a rolar no dia 1º de abril

William Dolavale

Covid-19: retorno de público em estádios é liberado em Juiz de Fora

William Dolavale

Cuca vira terceiro mais longevo entre técnicos da Série A e busca final inédita pelo Atlético-MG

William Dolavale

Juiz-forana Danielly Vitória busca seleção brasileira e Mundial em 2022

William Dolavale

Com grande atuação contra o Inter, Pedro, do Flamengo, é o Cara da Rodada #18 do Brasileirão Assaí

William Dolavale

CBF, Federações e Clubes asseguram manutenção das competições

William Dolavale

Torcida do Flamengo cobra Everton Ribeiro após ter sido convocado para Seleção: ‘Volta com seu futebol’

William Dolavale